Como conquistar um imóvel com parcelas adequadas ao seu orçamento

A decisão de comprar um imóvel é um passo importante para qualquer pessoa. No entanto, para quem procura parcelar parte da quantia com tranquilidade, um planejamento prévio no orçamento é fundamental. Além de avaliar a possibilidade de encaixar as parcelas na renda mensal, é importante lembrar dos imprevistos financeiros que podem ocorrer, e, principalmente, se o imóvel vai ser adequado para a família durante os próximos anos.
Com organização financeira antes de qualquer escolha, a conquista do novo imóvel pode ser concretizada com mais facilidade e segurança! Uma boa maneira de começar é através das simulações financeiras. Com elas é possível comparar e avaliar as melhores taxas de juros, e ainda, ter uma noção se as parcelas serão adequadas ao seu orçamento.
Para auxiliar você em cada etapa desse objetivo, separamos algumas dicas essenciais de planejamento financeiro. Confira!

Reserve um valor de entrada

Nem todas as instituições financiam o valor total do imóvel. Em alguns casos é comum a exigência de uma determinada quantia para ser dada como entrada. No entanto, mesmo que o financiamento integral seja liberado, quanto menor o empréstimo, menores são as taxas de juros aplicadas. Por isso, a alternativa ideal é pagar logo na entrada pelo menos 30% do valor do imóvel. Essa quantia pode ser planejada através de uma poupança, com o saldo FGTS ou até mesmo com a venda de algum bem.

Pense no futuro

Na hora de somar as despesas é importante lembrar que alguns gastos podem variar durante os próximos anos, entre eles o condomínio, a mensalidade escolar e, quem sabe, o aumento da família. Por isso, é essencial que uma parte da renda esteja sempre reservada para futuros imprevistos. O ideal é que o valor do financiamento não ultrapasse 30% do seu orçamento familiar.

Estabeleça metas de poupança

Alguns gastos podem ser reduzidos sem afetar o seu conforto, pois geralmente estão incluídos em despesas adicionais. Para saber quais são esses valores é preciso analisar os gastos mensais, principalmente as pequenas compras. Uma dica é guardar todos os comprovantes de pagamento, inclusive de alimentação, dessa forma você tem uma noção maior sobre o que é comprado e como poderia economizar. Para criar uma rotina de poupança, a melhor alternativa é definir um valor mensal com esse propósito.

Mantenha parcelas adequadas ao seu orçamento

É essencial conferir o valor de todas parcelas antes de aceitar qualquer negociação, já que algumas acabam sofrendo variações ao longo do tempo. Assim, você não é pego de surpresa com alterações no valor. Outro ponto importante é ter o cuidado com atrasos no pagamento, já que o acúmulo de parcelas pode trazer grandes problemas financeiros.

Conquiste seu novo imóvel!

O objetivo de conquistar um novo imóvel requer planejamento, economia e pesquisa na hora de escolher o local. São vários os pontos que devem ser levados em conta para fazer um bom negócio. Por isso, é importante pensar nas necessidades de quem vai utilizá-lo, e principalmente, nas possíveis mudanças. Por exemplo, se existe uma probabilidade da família aumentar, pense bem antes de financiar um apartamento menor. Além de adequar as parcelas ao orçamento familiar, é importante escolher um imóvel que não deixe de cumprir as suas expectativas ao longo do pagamento.